Hoje nós vamos falar sobre belting.

O belting é uma técnica usada para cantar músicas agudas com um som mais brilhante, com um som mais metálico!

A técnica é vinda dos Estados Unidos, é usada desde sempre para alcançar notas agudas tanto por homens e mulheres, e também é a técnica usada no teatro musical, Broadway, Disney.

Enfim, o que é preciso entender no belting, primeiro é que não existe só um tipo de belting, existem vários tipos de belting, subestilos e por isso é tão difícil de entender.

Nesse vídeo eu vou explicar o belting usado pelos cantores pop e também vou te passar alguns exercícios para você acessar esse lugar que é tão desejado.

Primeiro ponto que deve ser entendido no belting é que não precisa fazer força, nem precisa gritar. O Belting parece grito, mas não é grito.

Pensando na cultura das americanas, no jeito delas de falar, elas falam em uma região mais aguda, mas não estão gritando. Nós brasileiros temos uma região de fala mais baixa e com a prega vocal mais passiva, é mais suave.

[ASSISTA EXEMPLO NO VÍDEO]

Segundo ponto é que você não vai fazer mais pressão de ar, você vai manter a pressão de ar e mudar o som de lugar, é mudando o som de lugar dentro da sua boca é que você vai conseguir acessar o belting. Pra isso você precisa de espaço dentro da boca. Em uma situação normal você vai cantar nas regiões agudas e vai diminuir os espaços, na situação de belting você vai aumentar os espaços.

[ASSISTA EXEMPLO NO VÍDEO]

Vamos fazer um exercício pra que você entenda melhor:

Fale a letra da música:

Let it go, let it go ou Livre estou livre estou se você quiser falar em português.

Perceba que o lugar de fala, de nós brasileiros é mais baixo, ou mais grave. Então vamos tentar falar mais agudo, e cada vez mais agudo, até chegar na região onde seria a música.

Pronto! Achamos o lugar da região aguda e aí vamos agora tentar colocar a melodia.

Pense que a articulação das palavras é um pouco mais boba, do que a que costumamos usar na voz de fala

Let it go – [ASSISTA EXEMPLO NO VÍDEO]

É bem solta, pra não haver tensão nessa região.

Pra te ajudar nesse som você pode fazer a caretinha, que ajuda bastante no som, esse som ele pode ser um pouco mais nasal e até uma maneira de treinar essa região é fazendo

Nhenhe – REGIÃO MAIS AGUDA [ASSISTA EXEMPLO NO VÍDEO]

Ponto mais importante desse vídeo é: Belting não é grito, a sonoridade é mais metalizada e por isso o som tem mais projeção.

Se você gostou desse vídeo curta e compartilhe! Se inscreva no canal do YouTube!

 

Assista ao vídeo abaixo: